O Clima é Uma Máquina

O nosso clima também é uma grande máquina que impulsionada pelos meteoros afeta todo o Universo, e principalmente, o nosso planeta formando a famosa Lei da Atração.

Em suas manifestações extremas pode ser a causa de estiagens ou inundações, ou de provocar estragos com a incrível força dos furacões e tornados.

Os meteoros fazem com que o clima contribui para definir a paisagem e a economia das nações e, a nível mais local, pode provocar colapsos de tráfego, estragar férias como aconteceu no estado de Santa Catarina, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Espírito Santo e São Paulo, quantas pessoas além de perderem as férias perderam quase tudo, casa, móveis e mortes de pessoas queridas com as enchentes e inclusive alterar o nosso estado de ânimo.

Dessa forma não resulta estranho que nos sintamos fascinados por sua influência e seu caráter imprevisível.

A humanidade sentiu-se sempre intrigada pelos mistérios do clima. Tivemos alguns historiadores da antiguidade que os deuses raios e trovão, o gelo e a neve; o vento e a chuva eram provados pelo Deus maior os meteoros, estão certos estes historiadores.

Os meteoros são de uma exatidão incrível, porque o nosso planeta é coberto de nuvens de chuvas arrastadas pelos ventos, e estas faixas ou zonas climáticas que rodeiam o mundo sofrem um ciclo anual de mudanças climáticas determinada pela inclinação de eixo de rotação da terra.

Esta inclinação é a causa do ciclo anual de mudanças estacionais ao longo da quais as bandas climáticas se comprimem num hemisfério enquanto se expandem em outro provocando a passagem de inverno para verão e vice-versa.

Tanto para o leigo quanto para o meteorologo profissional, o clima é uma constante causa de assombro.

Quando desentranharmos tudo sobre os meteoros e os seus porquês; estaremos percebendo que estamos chegando a verdade, aí sim seremos capazes de apreciar seu delicado equilíbrio e os perigos que teremos que passar.